ACESSIBILIDADE 22/09 11h26

No dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência, o morador do bairro do Jurunas, Cristiano Moreira, foi um dos contemplados com uma cadeira de rodas nova durante ato realizado, na manhã de terça-feira (21), no Centur (Centro Cultural e Turístico Tancredo Neves), em Belém. E demonstrando total gratidão, o homem, de 46 anos, agradeceu o benefício e destacou a importância da iniciativa, que devolve a autonomia de locomoção e trabalha pela construção de uma sociedade mais inclusiva.

Foto: Pedro Guerreiro / Ag. Pará

“Uma cadeira de rodas para uma pessoa de baixa renda é muito cara, e ter acesso a elas através dos órgãos do governo é uma oportunidade que a gente tá tendo e não pode deixar de lado. Fico mais aliviado porque é uma preocupação a menos. O governo está de parabéns”, declarou.

Somente hoje, foram entregues 35 cadeiras no total, sendo no modelo padrão, de banho e tetraplégica. Este serviço é realizado desde abril deste ano, nos sete territórios do programa TerPaz e conta com a parceria entre as Secretarias de Estado de Articulação da Cidadania (Seac) e de Saúde Pública (Sespa).

Foto: Pedro Guerreiro / Ag. Pará

O secretário-adjunto da Seac, Raimundo Santos Junior, acompanhou as entregas e afirmou que esse tipo de ação não ocorre somente em data festiva e que o governo do Estado sempre está transformando positivamente a realidade social daqueles que mais precisam. 

“Estamos muito felizes em poder participar, nesse dia, de uma ação tão importante. O governo tem tido sensibilidade para trabalhar, sempre trazendo inclusão social e melhoria na qualidade de vida das pessoas que portam alguma necessidade especial”, pontuou. 

Cadastro - A entrega das cadeiras contempla um dos serviços garantidos pelo TerPaz, para se cadastrar basta ir às Ações de Saúde, sempre realizadas nos finais de semana. Nessas ações, há também consultas ginecológicas, pediátricas e com clínico geral; aferição de pressão arterial; teste de glicemia e encaminhamento para consultas e exames especializados, por meio da Central de Regulação da Sespa, nos Territórios pela Paz em Belém, Ananindeua e Marituba.

Foto: Pedro Guerreiro / Ag. Pará

Direitos - Foi publicada no Diário Oficial da última segunda-feira, 20 de setembro, a Lei 9.313/2021 que reduz em até uma hora diária a carga horária do servidor público estadual, que tenha sob sua responsabilidade pessoas com deficiência.

Compromisso – A ação também contou com a parceria da Fundação ParáPaz, que doou cerca de 45 cestas básicas, contemplando todas as pessoas beneficiadas com as cadeiras de rodas. 

Na ocasião, a primeira-dama do Estado, Daniela Barbalho, foi homenageada pelo presidente da Fundação ParáPaz, Alberto Teixeira, e pela coordenadora do “Entre elas por todo o Pará”, Claudilene Maia, por todo o apoio e envolvimento no projeto que tem como objetivo acolher e garantir os direitos às mulheres no Estado. 

Daniela Barbalho - primeira dama do EstadoFoto: Pedro Guerreiro / Ag. Pará

“A primeira-dama é muito sensível à causa da mulher e muito preocupada, e ela nos ajudou nesta metodologia mais abrangente para o projeto, mais efetivo, que é intersetorial e conta com a participação de várias redes de serviços”, informou a coordenadora.

Uma das assistidas do projeto "Entre Elas por todo o Pará", dona Marly do Socorro Pereira, 56 anos, foi acompanhada da filha Nayara, portadora de paralisia cerebral, e ficou bastante emocionada com todos os benefícios que recebeu em tão pouco tempo. 

Marli Pereira e a filha NayaraFoto: Pedro Guerreiro / Ag. Pará

“Estou no “Entre Elas” há 3 meses e ganhei essa cadeira de rodas para a minha filha. Hoje, vamos receber das mãos do governador outro benefício (Sua Casa) e ainda vamos embora com uma cesta básica. Nunca pensei que isso fosse acontecer com a gente, porque já sofremos muito. Só tenho que agradecer pelo projeto e por tudo que o governo tem dado pra gente”, relatou a dona de casa. 

Por Nathalia Mota (PARAPAZ) 


ACESSIBILIDADE 16/09 14h03

Ansioso. Era assim que estava o morador Clayton Barbosa, de 35 anos, enquanto esperava para trocar a a cadeira de rodas que usava. “Fiquei paraplégico após um acidente de moto há 8 anos. Desde então, essa cadeira é a minha principal forma de locomoção, mas já está muito velha, e comprar uma nova é muito caro. Aí fiquei sabendo dessa ação, que veio em ótima hora. Receber uma cadeira nova de forma gratuita me deixou muito feliz”, contou Clayton.


Foto: João Fernando/ NUCOM SEAC

A entrega de 40 cadeiras de rodas e equipamentos necessários às Pessoas com Deficiência (PcDs) foi realizada na manhã desta quarta-feira (15), no ginásio da Escola Dom Calábria, no bairro de Nova União, em Marituba, por meio do programa Territórios Pela Paz (TerPaz). A atividade é realizada em parceria da Secretaria Estratégica de Articulação da Cidadania (Seac) e a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa).

O serviço é realizado desde abril deste ano nos sete territórios do TerPaz e a procura, segundo a coordenação, tem aumentado nos últimos meses. “A gente percebe cada vez mais que as pessoas estão procurando esse serviço, quando a gente iniciou era bem pouco, agora com os municípios também divulgando esse trabalho, a gente percebeu o aumento dessa procura, a gente sabe que essas pessoas têm essa necessidade e muitas vezes ficavam em suas casas, escondidas, invisíveis para o Estado”, explicou a coordenadora da Sespa do TerPaz, Alessandra Amaral.


Foto: João Fernando/ NUCOM SEAC

Ainda de acordo com a Alessandra, o TerPaz está mais próximo dessas pessoas. “Os moradores conseguem saber desse serviço, que está descentralizado, o que nunca existiu no Estado. E conseguem procurar a gente para que esse serviço possa proporcionar a elas um maior conforto, receber uma cadeira de roda, esse momento onde vai mudar a sua vida”, concluiu.

O aposentado Luís Otávio Rosário, de 62 anos, é deficiente físico e visual e também foi um dos beneficiados com a ação. “Vou receber uma cadeira de rodas padrão e uma de banho, vai ajudar muito na minha rotina, vou me movimentar melhor, ainda mais que eu gosto de sair então será ótimo”, disse Luís.


Foto: João Fernando/ NUCOM SEAC

Solidariedade

A professa Ana Maria Freitas atua no Atendimento Educacional Especializado (AEE) da Escola Municipal Maria do Carmo Pinheiro e, ao saber da ação de cadeira de rodas do TerPaz no município, avisou a dona de casa Cristiane Cordeiro, mãe de seu aluno, Cristian Cordeiro, de 16 anos. O jovem nasceu com paralisia cerebral e atualmente estava sem cadeira de rodas.


Foto: João Fernando/ NUCOM SEAC

“Eu ando com ele no braço, carregando para cima e para baixo. Quando ele vai para a escola a gente consegue uma cadeira de rodas emprestada, então é muito difícil sabe, eu estava desde 2013 tentando uma cadeira e aguardava por esse momento, e se não fosse a Ana (professora) me ajudar... Hoje ela me ajudou e muito, trouxe a gente no carro dela para receber essa cadeira que vai melhorar nosso dia-a-dia”, disse Cristiane emocionada.

Qualidade de vida

Para a gestora do TerPaz em Marituba, Amanda Engelke, esse serviço tem a possibilidade de levar uma vida melhor para os moradores. “Todos os territórios escolhidos dentro do âmbito do programa TerPaz têm alta vulnerabilidade social, no caso de Nova União/São Francisco, em Marituba, isso é nítido. E quando a gente fala de pessoas com deficiência a gente fala de uma vulnerabilidade ainda maior, porque são pessoas que as vezes não conseguem se deslocar, ter acesso a serviços. Então, levar essas cadeiras de rodas é levar dignidade e esperança para que elas possam ter acesso, melhorar a autoestima”, informou.

A ação também beneficiou moradores de Marituba em uma entrega de cadeira de rodas e cestas de alimentação, realizada no Abrigo João Paulo II, e contou com a participação da Prefeita de Marituba, Patrícia Mendes, da coordenadora estadual de Pessoas com Deficiência da Sespa, Iracy Tupinambá, do Diretor do Núcleo de Relações Institucionais da Seac, Julio Alejandro Quezada e da Primeira-dama do Estado, Daniela Barbalho.

“Esse programa de governo é muito importante. O TerPaz vem se aproximando cada vez mais desses bairros atendidos, com o intuito de empoderar, dar a dignidade e cidadania necessária a essa população. O que queremos é incluir, dar voz e fortalecer os moradores, com a chegada da Usina da Paz, também aqui em Marituba, vamos conseguir avançar mais nesse objetivo”, contou a primeira-dama, Daniela Barbalho.

Cadastro

A entrega das cadeiras contempla um dos serviços garantidos pelo TerPaz, para se cadastrar basta ir às Ações de Saúde, sempre realizadas nos finais de semana. Nessas ações há também consultas ginecológicas, pediátricas e com clínico geral; aferição de pressão arterial; teste de glicemia e encaminhamento para consultas e exames especializados, por meio da Central de Regulação da Sespa, nos Territórios pela Paz em Belém, Ananindeua e Marituba.

Em todas as ações há palestras educativas sobre temas de interesse geral, como prevenção à Covid-19 e saúde oral, além de distribuição de kits para higiene bucal. Nas próximas semanas, moradores de outros bairros atendidos pelo Programa Territórios pela Paz também serão beneficiados.

Por Paulo Garcia (SEAC)


ACESSIBILIDADE 03/08 10h36

O serviço é uma das ações do TerSaúde, coordenado pela Sespa, que nos últimos três meses já beneficiou moradores dos Territórios pela Paz, com 337 equipamentos


Foto: Rodrigo Pinheiro / Ag. Pará

O Governo do Estado, por meio do programa Territórios Pela Paz (TerPaz), promoveu na manhã desta segunda-feira (2), a entrega de 67 cadeiras de rodas e equipamentos necessários às Pessoas com Deficiência (PCDs), nos bairros do Guamá e Terra Firme, em Belém.

A ação realizada em parceria da Secretaria Estratégica de Articulação da Cidadania (Seac) e a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), retoma o serviço neste mês de agosto. “Nós estamos nos programando para que toda sexta-feira possamos retornar para entregar, em dois territórios, essas cadeiras de rodas, muleta, carrinho de banho, para dar acessibilidade e uma nova vida para essas pessoas que estão cadastradas no TerPaz”, contou Alessandra Amaral, coordenadora da Sespa no TerPaz.

Ela conta que esse serviço está sendo o diferencial dentro dos bairros atendidos pelo programa. “Realmente quando a gente agregou, em abril deste ano, esse serviço para a população dos territórios, nós conseguimos verificar a felicidade das famílias, de quem foi contemplado, de ver que eles conseguiram ser cadastrar em uma semana e na outra semana já estavam recebendo os equipamentos de excelente qualidade, com a explicação necessária, então essa ação veio somar o nosso trabalho e mostrar que a presença do Governo está fazendo a diferença nos territórios”, ponderou Alessandra.


Foto: Rodrigo Pinheiro / Ag. Pará

Durante a ação, a coordenadora estadual de Pessoas com Deficiência da Sespa, Iracy Tupinambá, apresentou aos moradores os equipamentos e explicou o funcionamento de cada cadeira. “É muito importante a realização desse trabalho, porque estamos levando o que a população necessita, que é um produto de qualidade, que faz o diferencial na vida dessas pessoas, agradecemos ao Governo do Estado, a equipe da Sespa, da Seac, para a gente poder viabilizar esse produto que foi descentralizado nesse governo, é o governo na comunidade, era o que faltava realmente em nosso Estado”, comentou.

Acessibilidade

A dona de casa, Helaine Pamplona, foi uma das beneficiadas. Ela estava com o filho Davi Medeiros, de 4 anos, aguardando para receber uma cadeira de rodas infantil. “Essa será a primeira cadeira de rodas dele, eu não tinha condições de comprar uma, então chegou em um bom momento, a rotina com ele no colo era muito difícil, agora vai melhorar bastante”, contou Helaine.

Para o Fábio Lisboa, de 51 anos, era só alegria. Ele recebeu uma cadeira de rodas nova para o filho Vicente Lisboa, de 6 anos, que tem autismo e paralisia cerebral. “Ele tinha uma cadeira de rodas pequena que não estava mais adequada para o tamanho dele, agora essa cadeira totalmente nova, é mais adequada e confortável, vai ajudar muito no tratamento dele, na nossa rotina, estou muito feliz”, disse.

O motorista Antônio Jorge, de 60 anos, agradeceu a oportunidade de receber uma cadeira de rodas e uma cadeira de banho para o sogro, Elias da Silva. “Ele sofreu um AVC e está acamado e, no momento, não temos condições de comprar esses tipos de cadeiras para ele, estamos muito felizes por essa ação estar beneficiando quem está precisando. Essas cadeiras de rodas vão ajudar muito a vida dele”, contou.

Números

Segundo dados da Sespa, de abril a julho de 2021, já foram entregues 337 cadeiras de rodas nos sete bairros (Jurunas, Terra Firme, Guamá, Cabanagem, Benguí, Icuí-Guajará e Marituba) atendidos pelo programa Territórios pela Paz, que abrange os municípios de Belém, Ananindeua e Marituba.

Cadastro

A entrega das cadeiras contempla um dos serviços garantidos pelo TerPaz, por meio do projeto Ter Saúde da Sespa, para se cadastrar basta ir nessas ações de saúde que são realizadas aos finais de semana. Os locais são divulgados nas redes sociais da Seac.

O Ter Saúde ainda oferece consultas ginecológicas, pediátricas e com clínico geral; aferição de pressão arterial; teste de glicemia e encaminhamento para consultas e exames especializados, por meio da Central de Regulação da Sespa, nos Territórios atendidos pelo TerPaz.

Por Paulo Garcia (SEAC)